O Vôlei Feminino e o Futebol Feminino nas Olimpíadas


A Seleção Feminina de vôlei vinha fazendo uma grande campanha nos jogos olimpicos do Rio de Janeiro, passava pelos adversários, mostrando um bom voleibol até parar na Seleção Chinesa.
Além da beleza de nossa seleção era bonito ver a beleza e a competência das "Meninas do Brasil", que tentavam o tri campeonato olimpico, não deu, fica para a próxima, e o trenzinho?Acho que descarrilhou....

    E o Futebol Feminino que estava mostrando um belo futebol nas primeiras rodadas, com muita vontade, habilidade e gols. Na primeira partida goleou a China, uma das potências do Futebol Feminino. Na segunda partida goleou a Suécia por 5 X 1 e bastou isso para que virasse a nova "xodó" das olimpiadas, o público começou a se entusiasmar, surgiram as piadas e as comparações entre Marta e Neymar, chegou então a terceira partida e o Brasil feminino parecia o masculino, as "gurias" tentavam jogar bonito, mas o futebol já não era o mesmo, mas com o empate em 0 X 0 com a África do Sul, time de reservas em campo, mais uma vez a comparação com a seleção masculina foi inevitável e o futebol sumiu. Vieram então as quartas de final e o Brasil enfrentou a Austrália, empatou no tempo normal, empatou na prorrogação e vieram os Pênaltis e depois de um grande susto, onde a craque Marta errou uma cobrança, o Brasil passou graças à goleira Bárbara, estávamos nas semifinais e o adversário seria a mesma Suécia que havia sido goleada na fase de grupos, para o público era uma barbada, maracanã lotado, empate sem gols, prorrogação sem gols e nos pênaltis 4 X 3 para a Suécia, Brasil mais uma vez sem a medalha de ouro.
   Antes de começarem os jogos a craque Marta disse que se o ouro não viesse seria o fim do futebol feminino no Brasil, mas depois da força mostrada pela seleção acho que essa previsão não se confirmará.

Comentários